Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Secretariado Diocesano da Guarda dos Meios de Comunicação Social

O Secretariado Diocesano da Guarda dos Meios de Comunicação Social tem como finalidade promover o diálogo com os Meios de Comunicação Social locais, regionais e nacionais.

Secretariado Diocesano da Guarda dos Meios de Comunicação Social

O Secretariado Diocesano da Guarda dos Meios de Comunicação Social tem como finalidade promover o diálogo com os Meios de Comunicação Social locais, regionais e nacionais.

Formação e convívio dos Acólitos

16.02.12, dioceseguardacsociais

Secretariado Diocesano da Liturgia

Formação e convívio dos Acólitos

 

O Secretariado Diocesano da Liturgia vai promover actividades para formação e convívio dos Acólitos da Diocese da Guarda.

As actividades começam a 18 de Fevereiro, com o Encontro de Formação para Acólitos, no Seminário da Guarda. O programa tem início às 9.30 horas, com o acolhimento, e termina às 17.00 horas. A inscrição para esta actividade custa cinco euros e inclui almoço.

Em maio, no dia 1 de Maio, terá lugar a Peregrinação Nacional, dos Acólitos, a Fátima.

Para 16 de Junho, está anunciado um Encontro/Convívio para Acólitos, na Serra da Estrela (Penhas da Saúde).

Agenda Episcopal de D. Manuel Felício

08.02.12, dioceseguardacsociais

Agenda Episcopal de D. Manuel Felício

 

De 12 a 18 de Fevereiro, D. Manuel Felício, Bispo da guarda, participa nas seguintes iniciativas:

Dia 12, domingo: 10.00 horas – Dia Mundial do Doente, no Hospital Sousa Martins; 11.30 horas – Em Carvalhal Meão no encerramento da Visita Pastoral; 15.00 horas – Em Gouveia para encontro sobre a Missão para Nova Evangelização; 16.15 horas – Em Folhadosa, na inauguração de obras de restauro na Igreja Paroquial.

Dia 13: 10.00 horas – em Trancoso, para encontro com sacerdotes e diáconos; 15.00 horas – Em Gouveia, para encontro com sacerdotes; 21.00 horas – Visita Pastoral na Sé.

Dia 14: 10.00 horas – Encontro com sacerdotes do arciprestado de Manteigas/Belmonte; 15.00 horas – Visita Pastoral na Sé e S. Vicente.

Dia 15: 10.00 horas – Encontro com sacerdotes de Penamacor (arciprestado); 15.00 horas – Visita Pastoral na Sé e S. Vicente.

Dia 16: 10.00 horas – Encontro com sacerdotes e diácono de Pinhel (arciprestado); 15.00 horas – Visita Pastoral na Sé e S. Vicente.

Dia 17: 10.00 horas – Encontro com sacerdotes e diáconos do Rochoso (arciprestado); 15.00 horas – Visita Pastoral na Sé e S. Vicente.

Convívio Fraterno no Seminário do Fundão

08.02.12, dioceseguardacsociais

Convívio Fraterno no Seminário do Fundão

 

De 17 a 20 de Fevereiro, vai decorrer, no Seminário do Fundão, o Convívio Fraterno 1175 da Diocese da Guarda.

Este Convívio Fraterno é destinado a jovens a partir dos 17 anos, com o limite de 4 participantes por paróquia.

A Equipa Coordenadora dos Convívios Fraternos da Diocese da Guarda explica que este convívio fraterno “é uma experiência de primeiro anúncio que tem como objectivo despertar os nossos jovens para a fé, orientando-os sempre para a vivência comunitária da fé que os leve a reflectir sobre si próprios, os outros e Deus”.

Os interessados em participar devem fazer a inscrição até 12 de Fevereiro, à noite

Os trabalhos do Convívio Fraterno começam a 17 de Fevereiro (sexta-feira, pelas 21.00 horas) e terminam dia 20 à noite (segunda-feira) com o encerramento a partir das 20.30 horas.

Curso de novos Ministros Extraordinários da Comunhão

08.02.12, dioceseguardacsociais

Curso de novos Ministros Extraordinários da Comunhão

 O Secretariado Diocesano de Liturgia promove, a 11 e 12 de Fevereiro, um curso para novos ministros Extraordinários da Comunhão. Esta iniciativa terá lugar no Centro Apostólico D. João de Oliveira matos, na Guarda.  

O ministro extraordinário da comunhão é, na Igreja Católica, um leigo a quem é dada permissão, de forma temporária ou permanente, de distribuir a comunhão aos fiéis, na missa ou noutras circunstâncias, quando não há um ministro ordenado (bispo, presbítero ou diácono) que o possa fazer.

Chamam-se extraordinários porque só devem exercer o seu ministério em caso de necessidade.

Os ministros extraordinários da comunhão surgiram na Igreja Católica após o Concílio Vaticano II, como resposta à escassez de ministros ordenados, e à necessidade de pessoas que pudessem auxiliar os ministros ordenados na distribuição da comunhão em diversas circunstâncias.

Nota do Gabinete Episcopal da Diocese da Guarda sobre o Padre James

08.02.12, dioceseguardacsociais

Nota do Gabinete Episcopal da Diocese da Guarda

sobre o Rev.do Padre James, sacerdote indiano da Congregação de S. Francisco de Sales

 

Para desfazer informações erradas que circularam no público sobre a relação da nossa Diocese com o Rev.do Padre James e nomeadamente o boato espalhado de que era exigida a entrega à Diocese do produto dos donativos por ocasião da sua vinda, publica-se a seguinte carta enviada à organização que solicitava autorização para um retiro orientado por ele em Abril passado.

 

Sr. João Dias

Os meus cumprimentos.

Na sequência do e-mail que me enviou, peço que comunique à secretária do Rev.do Padre James a seguinte resposta, tendo em conta o pedido feito e os dados de identificação que me foram enviados:

1º)Tendo por base a identificação que me chegou, com a assinatura do Provincial dos Missionários de S. Francisco de Sales, Congregação a que ele pertence e tendo em conta também a informação que tenho sobre o mesmo Sacerdote, porque eu próprio participei em algumas das conferências que ele pronunciou em retiro anteriormente organizado na cidade da Covilhã, aceito a sua idoneidade para orientar o retiro marcado para esta cidade da Guarda, no próximo mês de Abril.

2º) Todos os Padres, mesmo pertencentes a Ordens Religiosas, que trabalham pastoralmente nesta Diocese da Guarda têm bilhete de identidade sacerdotal com a minha assinatura. Como o Padre James é sacerdote católico e pregador na Arquidiocese de Bangalore, devia ter também bilhete de identidade sacerdotal assinado pelo Arcebispo de Bangalore ou qualquer creditação do mesmo Arcebispo para as funções de pregador nessa Arquidiocese. De momento, não lhe peço este último documento como condição para orientar o referido retiro em Abril próximo, nesta Diocese da Guarda. Mas gostarei de oportunamente ter nas minhas mãos essa creditação episcopal.

3º) Como me é pedido, autorizo o Reverendo Padre James a orientar o retiro anunciado nesta Diocese da Guarda para o próximo mês de Abril, com a seguinte condição: no final, o próprio ou a organização promotora do retiro apresentar-me-á um relatório sobre a angariação de fundos ligada a esta iniciativa pastoral e dir-me-á qual o destino que vai ser dado ao produto desta mesma angariação de fundos.

 

Guarda, 5 de Fevereiro de 2011

+Manuel R. Felício, Bispo da Guarda.

 

Estas continuam a ser as únicas condições exigidas para a vinda do Rev.do Padre James, em serviço pastoral, à nossa Diocese.

 

 

Agenda Episcopal de D. Manuel Felício

02.02.12, dioceseguardacsociais

De 5 a 11 de Fevereiro, D. Manuel Felício, Bispo da Guarda, participa nas
seguintes iniciativas:

Dia 5, domingo: Encerramento de visitas pastorais em Ramela (9.30 horas), Benespera
(10.45 horas) e Vela (12.00 horas).

Dia 6: 10.30 horas – Encontro dos Bispos do centro, em Viseu.

Dia 7: 15.00 horas – Encontro com os sacerdotes do Arciprestado de Celorico da
Beira

Dia 8: 10.00 horas – Encontro com sacerdotes e diáconos do Arciprestado da Covilhã.

Dia 9: 10.00 horas – Encontro com sacerdotes e diácono do arciprestado de Seia; 17.00
horas – Visita Pastoral em Carvalhal Meão.

Dia 10: 10.00 horas – Encontro com sacerdotes e diácono do arciprestado do Fundão.

Dia 11: 8.30 às 12.00 horas – no Seminário Maior (encontros com os Seminaristas e a
CIRP – Secretariado Diocesano).

 

 

Pág. 2/2