A cidade de Gouveia vai receber a primeira das celebrações programadas, para a Diocese da Guarda, no âmbito do Ano Sacerdotal. De acordo com o calendário divulgado pela Cúria Diocesana, a celebração em Gouveia será no dia 18 de Outubro. Seguem-se as celebrações em Seia (25 de Outubro), Rochoso (15 de Novembro), Pinhel (29 de Novembro), Guarda (20 de Dezembro), Fundão (17 de Janeiro), Covilhã (31 de Janeiro), Penamacor (7 de Fevereiro), Alpedrinha (21 de Fevereiro), Belmonte (7 de Março), Sabugal (21 de Março), Almeida (25 de Abril), Figueira de Castelo Rodrigo (9 de Maio), Trancoso (23 de Maio), Celorico da Beira (6 de Junho).

 

Na apresentação destas celebrações, em carta enviada aos párocos, D. Manuel Felício, Bispo da Guarda escreve: “de acordo com as sugestões reflectidas no Conselho Presbiteral de Junho passado, queremos, este ano, realizar uma celebração de acção de graças pelo dom do Ministério sacerdotal em cada arciprestado”.

 

Nas celebrações serão lidos os nomes dos padres que, desde 1910, foram párocos de cada uma das paróquias de cada Arciprestado, da Diocese da Guarda. Antes de cada uma das celebrações, D. Manuel Felício vai dedicar pelo menos “um dia para estar e dialogar com cada pároco no terreno das suas preocupações diárias”.

 

É também vontade do Bispo da Guarda ter um encontro com o grupo de colaboradores pastorais de cada pároco. “Esse encontro com os colaboradores pastorais do mesmo pároco terá fundamentalmente a seguinte ordem de trabalhos: oração inicial; comunicação do Bispo da Diocese, durante cerca de meia hora; partilha de preocupações e sugestões; oração final” explica D. Manuel Felício.

 

Sobre o programa específico para o Clero da Guarda, distribuído pela Cúria Diocesana, há a destacar o retiro para os padres, orientado pelo Bispo emérito do Algarve, D. Manuel Madureira Dias, de 2 a 6 de Novembro; as jornadas de formação do clero, a 3 e 4 de Fevereiro de 2010; o dia Diocesano do Clero, a 19 de Maio de 2010; e a Assembleia Diocesana para sacerdotes e agentes pastorais, a 19 de Julho de 2010.

publicado por dioceseguardacsociais às 09:55