Bispo da Guarda mostrou obras de remodelação do edifício do Paço Episcopal

30.10.09

A Diocese da Guarda promoveu, esta manhã, uma visita guiada às obras de recuperação do edifício do Paço Episcopal.

Durante a visita, D. Manuel Felício disse que a Diocese suporta na totalidade o custo das obras do edifício do Paço Episcopal, orçadas em 928 mil euros, tendo optado por não pedir apoio ao Estado para “poupar a administração pública”. O bispo da Guarda adiantou que a decisão de executar o projecto sem financiamento público foi tomada para acelerar o processo. “Se estávamos à espera de financiamentos públicos, não sei se iríamos arrancar [com as obras]”, admitiu o prelado diocesano, indicando que as mesmas foram iniciadas em Junho de 2009 e têm um prazo de execução de um ano. Acrescentou que a opção também foi tomada “tendo em conta as dificuldades que os mecanismos de financiamento público apresentaram nos últimos anos e continuam a apresentar”. “Resolvemos ir por um caminho de autonomia. (…) Entendemos que devíamos optar por poupar a administração pública a este compromisso”, justificou.

 

A obra está a ser paga com donativos dos fiéis, cujos resultados são publicados nos três jornais da Diocese, explicou, dando conta que já foi feito um pagamento ao empreiteiro superior a 100 mil euros.

 

O edifício apostará nas energias renováveis para aquecimento, através de geotermia, e, segundo a Diocese, está em aberto, a possibilidade de produção de energia fotovoltaica.

 

O Paço Episcopal ocupa uma casa solarenga do século XVIII, que no final da intervenção manterá a sua traça arquitectónica original. “A ideia base subjacente a todo o projecto foi sempre de manter as características arquitectónicas do edifício”, referiu o autor do projecto, arquitecto Joaquim Carreira.

 

Após as obras de remodelação, no edifício do Paço Episcopal continuará instalada a residência do bispo e a Cúria Diocesana, actualmente A funcionar no antigo Colégio de S. José. As alterações mais visíveis ocorrerão no rés-do-chão do edifício, onde funciona a Cúria Diocesana, onde será criada uma sala de reuniões (para 50 a 70 pessoas), uma zona para o economato da Diocese e três gabinetes. No primeiro piso, onde continuará a funcionar a residência do bispo, ficará uma sala de espera, uma sala de audiências, uma capela, um gabinete de trabalho, uma biblioteca e um quarto. No mesmo piso serão criadas condições para funcionamento da secretaria de apoio ao bispo e para alojamento da comunidade religiosa que colabora com o Paço Episcopal.

publicado por dioceseguardacsociais às 14:54

Visita às obras do Paço Episcopal - Fotos

30.10.09

Visita às obras do Paço Episcopal

 

 

publicado por dioceseguardacsociais às 14:32

Diocese mostra obras do Paço Episcopal

28.10.09
A Diocese da Guarda vai promover, amanhã, 30 de Outubro, às 10.30 horas, uma visita guiada às obras do Paço Episcopal e Cúria Diocesana. A visita contará com a presença de D. Manuel Felício (Bispo da Guarda), Carlos Augusto Pina Paula (Ecónomo da Diocese), Joaquim Carreira (arquitecto responsável pelo projecto), e empreiteiro responsável pela obra (António Ascensão Coelho e Filhos, SA). Recorde-se que o valor da empreitada ronda os 800.000,00 euros, com o aquecimento. Até ao momento foram pagos dois autos de medição, no valor de 100.668,24 euros.
publicado por dioceseguardacsociais às 16:34

Fórum Diocesano “Evangelizar”

26.10.09

Reinventar o tradicional Fórum Juvenil, fazer parcerias com o Departamento da Catequese da Infância e Adolescência, e utilizar este modelo seguido pelos salesianos nos últimos três anos, é a grande desafio do programa pastoral do Secretariado Diocesano da Pastoral Juvenil da Diocese da Guarda (DPJG), que vai reunir em Fórum Diocesano, no dia 7 de Novembro.

Trata-se de uma parceria inédita entre o DPJG, o Secretariado Diocesano da Pastoral Vocacional (SDPV) e o Secretariado Diocesano da Educação Cristã (SEDEC), (Pastoral Juvenil, Pastoral Vocacional e Catequese de Infância e Adolescência), da Diocese da Guarda. O SEDC tem, inclusivamente, marcado, para o mesmo dia, o encontro anual dos catequistas, apelidado de Dia Diocesano do Catequista.

O padre Jorge Castela, responsável do DPJG, explica: “esperamos desta forma chegar a mais agentes de pastoral da diocese da Guarda, contribuindo para o enriquecimento pastoral dos nossos mais directos colaboradores. E acrescenta: “Além disso, esta iniciativa vai de encontro ao projecto de D. Manuel Felício, que pretende dentro de alguns anos, levar a cabo na diocese uma Missão para a Nova Evangelização”. Este responsável acredita que “este será um meio elementar nesta preparação e contribuirá para uma pastoral diocesana mais organizada e dirigida”.

publicado por dioceseguardacsociais às 12:29

Nota episcopal sobre os despedimentos na Fábrica Delphi (Guarda)

23.10.09

Fomos desagradavelmente surpreendidos com o anúncio do despedimento de 500 trabalhadores que trabalham na Fábrica de componentes de automóveis Delphi sediada nesta cidade da Guarda. Desejamos, antes de mais, manifestar a nossa total solidariedade para com os atingidos por este flagelo, que vai fazer sofrer mais de metade dos trabalhadores da referida fábrica Delphi.

 

Com esta solidariedade vai a vontade de ajudarmos, através dos vários organismos diocesanos, a minorar o sofrimento destas 500 famílias que vivem dos salários auferidos nesta empresa. Para isso, vamos criar, de imediato, um serviço de atendimento ligado à Caritas Diocesana para avaliar as situações e procurar soluções personalizadas. E por que não consideramos este um problema pontual nem somente fruto da crise global, mas relacionado com o abandono sistemático das nossas terras e dos nossos meios pela administração pública centralizada, desejamos também dizer às autoridades constituídas que este drama atinge 500 famílias ligadas aos trabalhadores que vão para o desemprego, mas atinge também toda a nossa cidade e a nossa região, que é uma região interior onde novas empresas não têm incentivos para se fixarem e as existentes vão sendo progressivamente desactivadas, sem que nada se faça para contrariar esta tendência.

 

Os desempregados vão certamente contar com os apoios habituais previstos para situações como esta, sobretudo do subsídio de desemprego.

Mas nós julgamos que isso é pouco. Julgamos ser necessário criar, de imediato, condições objectivas e visíveis para que os desempregados possam retomar, de novo, o seu emprego, a curto prazo.

 

Precisamos de começar a ver que, de facto, são orientados para a nossa cidade e a nossa região meios materiais que existem e que, de facto, estão a ser desviados para outras zonas. Isto para que o tecido empresarial da Guarda não fique reduzido a zero, apesar dos investimentos recentemente feitos num bom parque industrial que possuímos e que infelizmente continua muito despovoado de empresas. As nossas gentes começam a ficar cansadas de esperar.

 

Os 500 desempregados precisam de ter garantias fundadas de que, o mais tardar, acabado o período previsto para beneficiarem do fundo de desemprego, terão, de novo, acesso ao trabalho. E alguns, se forem ajudados com justiça poderão mesmo criar o seu próprio emprego.

 

Guarda, 23 de Outubro de 2009

 

+Manuel R. Felício, Bispo da Guarda

publicado por dioceseguardacsociais às 12:07

Cónego Geada Pinto homenageado pelos Rotários

21.10.09

O Cónego Manuel Joaquim Geada Pinto vai ser homenageado, na qualidade de director do Outeiro de São Miguel, da Guarda, pelo Rotary Clube da Guarda. A homenagem consta de um almoço de convívio, no dia 24 de Outubro, nas instalações do Hotel Vanguarda, a partir das 12.30 horas.

 

O Rotary Clube da Guarda entendeu por bem proceder à homenagem deste profissional, no corrente mês de Outubro, dedicado em Rotary, aos serviços profissionais.

 

O Cónego Geada Pinto nasceu a 5 de Fevereiro de 1929, na Freguesia de Orca, concelho do Fundão. Frequentou a Instrução Primária na Escola Primária de Orca, continuando os estudos no Seminário Menor do Fundão e Seminário Maior da Guarda. Foi ordenado sacerdote em 29 de Julho de 1951, tendo celebrado o Cinquentenário da Ordenação Sacerdotal em 2001. Foi para o Outeiro de S. Miguel em 1954, sendo Director da Escola Regional Dr. José Dinis da Fonseca, do Outeiro de S. Miguel, entre 1959 e 1994. Foi Professor na Escola Industrial e Comercial da Guarda, no Seminário Menor do Fundão e no Seminário Maior da Guarda. Dirigiu o Orfeão da Guarda; foi Fundador do Rancho Folclórico da Guarda e Director Artístico do Centro Cultural da Guarda. Actualmente é Director do "Amigo da Verdade" e das Oficinas de S. Miguel, pároco de Arrifana, concelho da Guardae membro do Cabido da Sé.

 

À semelhança de outras homenagens anteriormente realizadas pelo Rotary Clube, trata-se de um evento aberto à sociedade em geral. Os interessados em participar podem fazer as inscrições directamente na recepção da referida unidade hoteleira ou através do telefone 271 208 390.

publicado por dioceseguardacsociais às 09:58

Retiro para os Padres da Diocese

21.10.09

De 2 a 6 de Novembro, vai decorrer, no Centro Apostólico D. João Oliveira Matos, o Retiro para os padres da Diocese da Guarda. O retiro, que começa com o jantar do primeiro dia e termina com o almoço do último dia, é orientado por D. Manuel Madureira Dias, Bispo emérito do Algarve.

Os padres interessados em participar devem fazer a respectiva inscrição no Centro Apostólico, na Guarda.

publicado por dioceseguardacsociais às 09:56

Guarda promove formação permanente do clero

15.10.09

O Clero da Diocese da Guarda vai reunir por zonas pastorais para analisar as conclusões do VI Simpósio do Clero que teve como tema “reavivar o dom recebido”.

 

O “assunto destes encontros de formação para o Clero programados e publicados no Calendário Diocesano para este ano pastoral vai ser revisitar e retomar, para aplicação à nossa vida de Clero na Diocese da Guarda, o VI simpósio do Clero, que se realizou de 1 a 4 de Setembro último” explica D. Manuel Felício, Bispo da Guarda. E acrescenta: “O ponto de partida, neste primeiro encontro do Clero, vão ser as conclusões do mesmo Simpósio”.

 

As reuniões estão marcadas para a zona sul, no dia 21 de Outubro, com início às 10.00, nas instalações do Seminário do Fundão; na zona centro, no dia 22 de Outrubro, com início às 14.30 horas, nas instalações do Seminário da Guarda; na zona norte, no Centro Pastoral de Pinhel, dia 28 de Outubro, com início às 10.00 horas; na zona Oeste, no Convento das Irmãs de S. João Baptista e Rainha do Mundo, em Gouveia, dia 29 de Outubro, com início às 10.00 horas.

 

Estes encontros terão a seguinte ordem de trabalhos: Oração da Hora Intermédia; Introdução às conclusões do Simpósio para uma leitura meditada e aplicada à nossa situação concreta de Clero na Diocese da Guarda; Partilha de reflexões sobre as mesmas; Oração final”. Os encontros de formação são destinados aos sacerdotes e aos diáconos da respectiva zona pastoral.

publicado por dioceseguardacsociais às 10:14

Secretariado Diocesano das Missões prepara ano pastoral

15.10.09

O Secretariado Diocesano das Missões está a preparar o novo ano pastoral missionário na Diocese da Guarda. No seguimento das Jornadas Missionárias, que decorreram em Fátima, o Director Diocesano, Padre Ângelo Martins lembra que nas conclusões é pedido “às Dioceses, Paróquias e Movimentos que intensifiquem a vivência do Outubro Missionário, aproveitem mais o Curso de Missiologia organizado pelos IMAG para a formação de evangelizadores e promovam semanas missionárias para o crescimento da consciência de todo o Povo de Deus».

 

Numa altura em que todas as paróquias da Diocese da Guarda já receberam o “Guião Outubro Missionário”, o responsável relembra que “este guião é uma preciosa ajuda para reflectir semana a semana nos vários grupos da(s) sua(s) comunidade(s); possui comentários à Palavra de Deus lida e proclama durante o mês de Outubro aos Domingos; algumas propostas para celebrações da Vigília Missionária, do Rosário e da Via-Sacra; uma prece diária para cada dia do mês; e alguns documentos de leitura e meditação”.

 

Em carta enviada aos padres da Diocese, Ângelo Martins Também refere que a Mensagem do Santo Padre para o Dia Mundial das Missões, sob o título “As nações caminharão à sua luz”, está “esmiuçada em quatro pontos: Todos os Povos são chamados à salvação; Igreja Peregrina; Missão Ad Gentes; e Chamados a evangelizar também por meio do martírio”. Despertar a consciência missionária continua a ser o objectivo geral do Programa Pastoral para 2009/2010 que ainda “está a ser elaborado e por isso não está no Plano Geral da Diocese, uma vez que este Secretariado só o realiza após as Jornadas Missionárias”, acrescenta Ângelo Martins.

 

No documento, o Director Diocesano volta a pedir aos párocos o envio, “para o Secretariado os nomes e direcções de missionários e missionárias oriundos das paróquias que lhe estão confiadas”. No passado ano só um pároco respondeu ao apelo lançado. Sobre o projecto Guard’África (voluntariado missionário da Diocese da Guarda), Ângelo Martins lembra que “está a dar início à Formação de “missionários”. As condições começam a modificar-se um pouco, por isso peço aos padres que se souberem de alguém que queira fazer parte deste projecto entre em contacto connosco até ao fim do mês de Outubro”. Este ano, o dia Mundial das Missões será celebrado no dia 18 de Outubro.

publicado por dioceseguardacsociais às 10:12

Agenda episcopal de D. Manuel Felício

15.10.09

De 18 a 24 de Outubro, D. Manuel Felício, Bispo da Guarda, participa nas seguintes actividades:

 

Dia 18, domingo: 11.00 horas – celebração da Eucaristia na Paróquia de Moimentinha, arciprestado de Pinhel; 16.00 horas – em Gouveia (Igreja de S. Pedro) celebração de acção de graças pelos sacerdotes que serviram as paróquias do arcipretsado no último século (Haverá lista afixada em cada uma das respectivas Igrejas).

Dia 19: Das 10.30 às 16.30 horas, reunião dos Bispo do Centro em Leiria;

Dia 20: A partir das 15.30 horas, nas Paróquias confiadas ao cuidado pastoral do Padre José Soares Coelho;

Dia 21: 10.00 horas – No Seminário do Fundão para encontro do Clero da zona pastoral sul; A partir das 15.30 horas – nas paróquias confiadas ao Padre Nuno Maria;

Dia 22: 14.30 horas - No Seminário Maior, para reunião do Clero da zona centro; 19.00 horas – na Sé, aniversário da Dedicação da Catedral.

Dia 23: A partir das 15.30 horas - nas Paróquias confiadas ao Padre Rogério Miranda;

Dia 24: A partir das 10.00 horas – no Centro Apostólico, para trabalhos com Acção Católica Rural, Movimento Mensagem de Fátima, Centro de Preparação para o Matrimónio.

publicado por dioceseguardacsociais às 10:11

mais sobre mim

pesquisar

 

Outubro 2009

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
22
24
25
27
29
31

comentários recentes

mais comentados

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro